Carreira

Medo de falar em público? Confira 4 dicas para superá-lo

O medo de falar em público é comum em muitas pessoas. Em algumas sociedades é considerado inclusive o medo número um e principal. Esta frequentemente citado como uma das top 10 fobia, variando com o medo da morte e fim da vida, aranhas, escuro e altura ou elevações. Até por essa frequência alta, faz-se associação desse medo já com um termo mais forte como "ansiedade desenfreada social". Isso acontece, geralmente, porque quando nos colocamos nesse grau de evidência, independentemente do tamanho da plateia, sentimos que estamos sendo julgados e, até mesmo, ameaçados. Com isso, a ansiedade acaba sendo a resposta fisiológica e natural para esses temores além das respostas fisiológicas mais conhecidas como sudorese, boca seca, tremedeira, gaguejar, ter lapsos na memória e outras manifestações que você também já deve ter experienciado.

Terminologia oficial

O termo médico oficial para esse medo é glossofobia, que vem do grego glosso (línigua) e fobia (medo) = o medo da linguagem e fala.

Origem do medo de falar em público

Especialistas da terapia comportamental dizem que essa fobia é resultado das experiências de vida das pessoas que constroem suas maneiras de ver o mundo que não excluem possíveis traumas da infância. O resultado pode ser baixa autoestima, necessidade de aprovação constante, negatividade, cobrança pessoal em demasiado, dentre outras dificuldades.

Aproximadamente 3 em cada 4 pessoas tem medo de aprensentar algo em público.

Impactos na carreira e no desenvolvimento de lideranças

Apesar de esse medo ser normal, ele pode atrapalhar os objetivos profissionais de qualquer pessoa e o desenvolvimento de lideranças na empresa. Afinal, conseguir se comunicar com objetividade e clareza pode abrir muitas portas. Para um profissional de RH, essa aptidão se torna ainda mais importante, já que é fundamental para quem busca se conectar com as equipes e também liderá-las.

Dicas para falar em público naturalmente sem sentir medo

Para ajudar você nessa questão, separamos algumas dicas de como superar o medo de falar em público. Acompanhe!

1. Pratique a apresentação em casa

O ser humano tem medo daquilo que não conhece. Ao fazer uma apresentação para um público grande ou pequeno, você pode até não conhecer a sua plateia, mas dominar o seu discurso vai trazer mais tranquilidade para o momento.

Por isso, prepare as suas falas e pratique bastante em casa. Você pode ficar na frente do espelho, chamar a família para ser os seus ouvintes e tentar prever as perguntas. Vale também gravar a sua apresentação no celular para conferir depois como foi o seu desempenho. Ao perceber que é capaz, você vai se sentir mais confiante no grande dia.

2. Prepare um roteiro

Suponhamos que a sua apresentação está indo muito bem, mas você esqueceu uma fala ou "perdeu o fio da meada". A partir desse momento, a sua insegurança e ansiedade podem voltar, deixando você nervoso e perdendo o controle da situação.

É por esse motivo que até mesmo os grandes palestrantes utilizam recursos para lembrar os seus roteiros, como slides, sons ou outros recursos. Assim, a sua comunicação será mais segura e você ainda pode apresentar mais dados para os ouvintes. Afinal, ter que decorar muitos números, por exemplo, pode aumentar o medo.

3. Faça exercícios de respiração para controlar a ansiedade

Não por acaso, as práticas de respiração têm feito tanto sucesso dentro e fora do universo empresarial. Isso porque, ao percebermos a nossa respiração, em um ambiente calmo, silencioso e isolado, temos vários benefícios que vão além do controle da ansiedade. Entre eles: os batimentos cardíacos e a pressão arterial são reduzidos, os músculos relaxam e a oxigenação do cérebro aumenta, o que facilita a conexão das nossas ideias.

Por isso, lembre-se de parar para respirar por alguns minutos antes da sua apresentação e também de respirar com tranquilidade enquanto ela acontece. Além de manter a postura centrada, isso vai evitar falas corridas, que o grupo de interlocutores não vai entender.

4. Busque ajuda profissional

Se, mesmo com essas dicas, você não estiver conseguindo alcançar os resultados que deseja, vale a pena considerar a ajuda de um profissional. Existem diversos cursos de expressão verbal que oferecem treinamentos e técnicas para se comunicar melhor e lidar com o medo e falar em público. Para quem está em busca de melhorar a sua oratória e postura e ainda encontrar um novo hobby, as aulas de teatro e canto são ótimas opções para trabalhar a desinibição.

O medo de falar em público pode ser desafiador, mas você não pode deixar que ele seja paralisante. Tenha consciência das suas capacidades e limitações e entregue o seu melhor, sabendo que a perfeição não existe.

Implicações para uma carreira e cultura corporativa

Caso você como gestor de uma organização sinta que esse medo exista em uma escala maior de pessoas da sua organização, recomendamos que não deixe de fazer um diagnóstico da sua cultura organizacional para eliminar a possível dúvida de que isso esteja sendo cultivado por algum tipo de ambiente tóxico dentro das suas equipes.

De acordo com uma publicação da Columbia University, a glossofobia tem um impacto de perda de 10% nos salários médios, 10% menos chance de graduação em uma faculdade e 15% de impacto nas condições para obterem-se posições de gestão e liderança e é triste dizer que apenas 8% das pessoas com essa fobia procuram por ajuda profissional.

Caso exista o real diagnóstico de que as pessoas da sua organização estejam com medo de falar publicamente por fatores mais corporativos do que de cunho pessoal individual, inclua treinamentos nos seu plano de treinamento e desenvolvimento urgentemente para resolver não só os ambientes causadores desse medo como adicionar oportunidades para capacitar as pessoas com as habilidades de apresentação e diálogos a fim de eliminar de vez o problema e habilitar melhores oportunidades para as pessoas e obviamente os resultados da sua empresa.

Fique informado ao assinar a Newsletter Aspectum

Obrigado! Seus dados foram recebidos com sucesso.
Oops! Algo deu errado. Favor tentar novamente.
Junte-se a milhares de pessoas que recebem dicas sobre crescimento humano, hábitos de alta performance, habilidades de diálogo e liderança de equipes.