Desafios ao escolher uma empresa de treinamento in company

Contratar uma empresa de treinamento in company e cursos profissionalizantes pode trazer alguns desafios: Quesitos de avaliação, conteúdo, ROI, fundamentos.

Escrito por:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
empresa de treinamento in company

Treinar a equipe de trabalho é crucial por uma série de razões, inclusive porque gera alinhamento e aumenta a produtividade diária. No entanto, é preciso saber selecionar a melhor modalidade — e, nesse aspecto, o treinamento in company tem destaque.

Em resumo, treinamento in company refere-se àquele que acontece nas dependências da organização, presencial e geralmente restrito à equipe de trabalho. É um modelo de capacitação mais eficaz, pois permite contato direto e profundo com os talentos.

Nos tópicos seguintes, esclarecemos como deve ser um treinamento in company e quais quesitos avaliar ao escolher uma empresa especializada em aplicá-lo. Confira!

Como deve ser um treinamento in company?

O treinamento in company deve ser muito bem preparado, afinal, tudo acontece presencialmente e não há muita margem para erro. É preciso planejar o que será feito, o tempo total da capacitação e as dinâmicas para aprendizagem da equipe.

Além disso, é importante que o treinamento seja dinâmico. Caso seja teórico demais ou conte apenas com informações casuais, pode se tornar chato e desestimular a equipe de trabalho. E mais, pode não gerar conhecimentos significativos aos ouvintes.

Por essas razões, é importante contar com uma empresa especializada. Ela tem know-how para criar e executar um treinamento adequado ao time. Também conhece técnicas para elevar o interesse dos talentos e gerar retorno sobre o investimento.

Quais quesitos avaliar para escolher uma empresa especializada?

Escolher uma empresa especializada é um processo que exige atenção, afinal de contas, a má escolha pode prejudicar a aprendizagem do time e gerar baixo retorno sobre o investimento. Confira, adiante, algumas dicas!

Estrutura dos conteúdos

Todo treinamento tem uma estrutura específica, ou melhor, tem um início, meio e fim oferecidos em módulos. Quando há uma estrutura interessante, o conhecimento é mais facilmente transmitido e também absorvido pela equipe de trabalho.

Portanto, comece avaliando os treinamentos oferecidos — e se eles são relevantes à sua equipe. Estude, também, a estrutura desses treinamentos, se eles estão bem divididos e oferecem informações pertinentes. Assim, terá mais chances de escolher com acerto.

É preciso, entretanto, considerar a variável “tempo”. Treinamentos longos costumam ter uma estrutura mais completa e bem desenhada, pois há tempo suficiente para isso. Treinamentos curtos, porém, têm uma estrutura mais enxuta e direta.

Abordagem de ensino

Você já deve ter percebido que alguns assuntos, mesmo complexos, se tornam fáceis e até prazerosos de aprender. Em grande parte, isso se deve ao método de ensino. Certas abordagens tornam o processo de aprendizado mais fluido e hedônico.

Em vista disso, preocupe-se em conhecer a abordagem de ensino da empresa especializada. É uma aula-padrão ou conta com um método ativo de ensino? De que forma a equipe de trabalho participa do processo de aprendizagem?

O mais interessante é contar com uma empresa que tenha uma abordagem de ensino fora do lugar-comum, capaz de envolver a equipe e tornar a aprendizagem agradável. Desse modo, o nível de participação e aprendizado do time será superior.

Experiência de mercado

Outro ponto importante é avaliar a experiência de mercado da empresa especializada. Há quanto tempo ela está na ativa? Quantos projetos já desenvolveu e quantos talentos ajudou a capacitar? Quanto mais experiência, melhor para o seu negócio.

Para avaliar essa experiência, é interessante fazer contato com a empresa especializada. Ouvir um pouco da sua história é um bom começo, bem como perguntar sobre os seus métodos de ensino, projetos desenvolvidos (e em desenvolvimento) e assim por diante.

Outra possibilidade é buscar por feedbacks de clientes que já recebem o serviço de treinamento in company dessa empresa. Estude casos de sucesso, avalie os resultados obtidos após o treinamento e de que maneira isso pode beneficiar sua empresa.

Possibilidade de customizar os cursos

Uma das maiores vantagens do treinamento in company é sua capacidade de adaptar o conteúdo ao time, o que não acontece em treinamentos EAD e Mobile Learning. Porém, se a empresa de treinamento não permite a customização, essa vantagem é perdida.

Em vista disso, avalie de que forma os treinamentos podem ser adaptados para atender as características dos funcionários. Por exemplo, é possível usar mais estudos de caso alinhados à indústria na qual seus colaboradores estão inseridos (varejo, por exemplo)?

A possibilidade de customizar o curso, mesmo que em alguns detalhes, é de grande relevância. Primeiro, porque facilita o processo de aprendizado; segundo, porque faz o treinamento ficar mais interessante. Desse modo, todos os talentos são beneficiados.

Como mensurar o ROI do treinamento in company?

Tanto para escolher uma empresa de treinamento quanto para avaliar a qualidade do seu serviço, o cálculo do ROI (Retorno Sobre o Investimento) é importante. Em suma, ele ajuda a identificar o retorno financeiro obtido com determinado investimento.

Por exemplo, imagine que você investiu R$ 5.000,00 no treinamento da equipe de vendas. No trimestre seguinte, graças ao aumento da eficiência em vendas, teve um acréscimo de R$ 20 mil no faturamento. Qual foi o retorno? Veja como calcular:

  • ROI (em %) = (retorno obtido – investimento feito)/investimento feito x 100

No exemplo acima, ao usar a fórmula, identificará um retorno de 300%. Ou seja, você conseguiu um retorno três vezes maior que o investimento inicialmente feito, em um período de apenas três meses.

Esse mesmo cálculo pode ser usado de maneira preditiva, com números estimados em termos de investimento e retorno. Desse modo, terá uma projeção de ROI, que poderá se concretizar. Assim, terá mais chances de fazer uma boa escolha.

Uma dúvida comum é: qual o ROI ideal? Não há um padrão. Todavia, quanto maior, melhor. É preciso analisar cada investimento, estudar o retorno financeiro obtido com ele e, então, fazer o cálculo. Depois, avaliar se ele atende ou não às expectativas.

Agora você já sabe o que é treinamento in company e como selecionar uma empresa especializada. Lembre-se de que, ao investir com acerto no assunto, poderá ganhar em termos de produtividade diária. Também terá um alinhamento do entusiasmo e motivação da equipe de trabalho. Desse modo, toda a empresa poderá ser beneficiada.

Gostou do nosso artigo, certo? Aproveite, agora, para entrar em contato conosco e conhecer as soluções que separamos especialmente para você. Vamos lá!

Lembre-se de compartilhar este artigo!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Receba as últimas novidades sobre treinamentos e desenvolvimento humano

tudo sobre desenvolvimento de pessoas, capacitação & RH.

Mais do Portal

impacto socio econômica das organizações na sociedade

O impacto das organizações na sociedade

Comumente devido ao dia dia esquecemos da importância que uma empresa tem na sociedade. Você que possui uma empresa, já parou para pensar do papel importantíssimo que você está desempenhando? Indiferente do tamanho da sua empresa, ela exerce um papel fundamental na sociedade.

Conheça um de nossos treinamentos pela voz do nosso CEO.
Vídeo online sem interação humana.

Assistir agora

Fique por dentro dos próximos treinamentos, webinários ao vivo e programe-se para participar de algum deles no melhor momento para você.

Agendar

Quer mais informações?
Descubra como o Google, Facebook, Bradesco, Syngenta e outros clientes tem investido na formação de seus líderes e como você pode trazer nossas metodologias para sua empresa.

Solicitar contato